Análise de redes sociais no campo de pesquisa da Ciência da Informação: desenvolvimento da produção científica mundial

Carlos Alexandre Oliveira, Edna Silva Angelo, Marlene Oliveira

Resumo


O objetivo deste estudo é analisar a produtividade científica mundial em torno do tema Análise de Redes Sociais no campo da Ciência da Informação, tomando por parâmetro as pesquisas publicadas na base de dado internacional multidisciplinar Web of Science. A pesquisa é de tipo exploratória. A abordagem utilizou técnicas de bibliometria. A busca abrangeu todos os registros armazenados de 1945 a 2016.  Após a coleta e preparação dos dados, utilizou-se o software VantagePoint para fazer o tratamento bibliométrico. Em seguida, o software Microsoft Excel para representar graficamente os achados da pesquisa.  Foram recuperados 2.190 registros. Pode-se constatar que as investigações sobre a temática tiveram maior ênfase a partir do ano de 2005. Os indicadores de idioma das publicações apontaram como predominante a língua inglesa com 92%. Sobre os autores das publicações, foram identificados 4.588. Destes, 86% publicaram apenas um trabalho. Quanto à distribuição geográfica dos autores, identificou-se 82 países, sendo a maioria das publicações provenientes dos Estados Unidos da América – EUA, com 32,1% do total de publicações. As relações mais intensas de colaboração acontecem principalmente entre EUA e China. No Brasil, foram identificados 51 trabalhos, apenas 2,3% do universo, com a data de início de publicação a partir de 2007. Quanto aos autores, constatou-se 112 brasileiros, sendo que a maioria absoluta (91%) publicou apenas um artigo. Em relação ao vínculo institucional dos autores residentes no Brasil, identificou-se um total de 54 instituições de filiação. Dessas, 76% instituições tiveram apenas uma publicação no período pesquisado. 


Palavras-chave


Ciência da Informação. Análise de Redes Sociais. Sociometria

Texto completo:

PDF


Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis (Brasil) - ISSN 1414-0594

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.