Biblioterapia no Brasil

revisão integrativa de literatura de 2019 a 2021

Autores

Resumo

A

presente pesquisa tem o objetivo de identificar artigos publicados, no Brasil, na Base de Dados BRAPCI, sobre a aplicação da Biblioterapia, entre 2019 e 2021. No que se refere aos resultados, os dados obtidos foram organizados em 7 categorias, a saber: formação acadêmica do mediador de Biblioterapia brasileiro; locais de aplicação da biblioterapia; perfis dos participantes das atividades biblioterapêuticas; instrumentos de intervenção biblioterapêutica; palavras-chave e autores mais citados nas pesquisas; benefícios das intervenções biblioterapêuticas. Considerou-se que não existe um padrão para a quantidade de intervenções oferecidas e tampouco para o tempo designado para cada intervenção biblioterapêutica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Valdemir Bezerra da Silva, Universidade Ibirapuera - UNIB

Pós-Doutor em Educação. Universidade Ibirapuera - UNIB

Doutor e Mestre em Psicologia Educacional.

Centro Universitário FIEO - UNIFIEO

Graduação em Letras e Pedagogia.

Professor dos Cursos de Pedagogia e Teologia da FATRI.

 

Janaína da Silva Gonçalves Fernandes, Centro Universitário FIEO - UNIFIEO

Doutora e Mestre em Psicologia Educacional.

Centro Universitário FIEO - UNIFIEO

Graduação em Psicopedagogia e História.

Coordenadora e Docente dos Cursos de Pós-graduação CICEP

 

Referências

ALVES, M. H. H. A aplicação da biblioterapia no processo de reintegração social. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, v. 15, n. 1/2, p. 54-61, 1982. Disponível em: https://www.brapci.inf.br/_repositorio/2011/08/pdf_09e78c51e2_0018372.pdf. Acesso em: 23 fev. 2023.

ALVES, S. V. A Literatura como Recurso Terapêutico para o Leitor. São Paulo: Baraúna, 2020.

ANDRADE, L. V. Cartografia de um devir: o movimento de tornar-se bibliotecário aplicador de biblioterapia. Biblionline, v. 14, n. 1, p. 128-144, 2018. DOI: 10.22478/ufpb.1809-4775.2018v14n1.39575. Acesso em: 13 dez. 2023.

ARISTÓTELES. A arte poética. Trad. Pietro Nassett. São Paulo: Editora Martin Claret, 2003.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

CALDIN, C. F. A leitura como função terapêutica: biblioterapia. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, v. 6, n. 12, p. 32-44, 2001. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/36. Acesso em: 03 de abr. 2022.

CALDIN, C. F. Biblioterapia: um cuidado com o ser. São Paulo: Porto de Ideias, 2010.

CASTRO, R. B.; PINHEIRO, E. G. Biblioterapia para idosos: o que fica e o que significa. Biblionline, João Pessoa, v. 1, n. 2, 2005. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/biblio/article/view/586. Acesso em: 12 de abr. 2023.

CAVALHEIRO, S. M.; SILVA, J. E.; BILHAR, A C. Vivência de Biblioterapia com os alunos do terceiro ano da EEB Intendente José Fernandes: relato de experiência. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, v. 24, n. 1, p. 297-304, 2019. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=7387943. Acesso em: 23 fev. 2023.

CHAGAS, R. L.; PIZARRO, D. C. Atividade de biblioterapia com usuários dos Centros de Atenção Psicossocial da Biblioteca Central da UFSC. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, v. 15, p. 72-91, 2019. Disponível em: https://rbbd.febab.org.br/rbbd/article/view/1351. Acesso em: 23 fev. 2023.

CHAVES, I. T.; ALBUQUERQUE, R. M. F.; LAVOR FILHO, T. L. Odisséias literárias: biblioterapia de desenvolvimento aplicada no Tribunal Regional do Trabalho do Ceará. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, v. 25, n. 3, p. 751-765, 2020. Disponível em: https://www.revista.acbsc.org.br/racb/article/view/1683. Acesso em: 23 fev. 2023.

COMPAGNON, A. Literatura para quê? Belo Horizonte: UFMG, 2009.

ERCOLE, F. F.; MELO, L. S.; ALCOFORADO, C. L. G. C. Revisão integrativa versus revisão sistemática. Revista Mineira de Enfermagem, v. 18, n. 1, p. 9-12, 2014. http://dx.doi.org/10.5935/1415-2762.20140001. Acesso em: 23 fev. 2023.

FONSECA, D. L. S.; SILVA JUNIOR, C. L. O projeto de biblioterapia e humanização “Nem todo herói usa capa, alguns leem livros”: um relato de experiência na Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCECON). Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina v. 26, n. 1, p. 1-14, 2021. Disponível em: <https://www.revista.acbsc.org.br/racb/article/view/1774>. Acesso em: 23 fev. 2023.

FONSECA, K. H. O. A influência da pós-modernidade no âmbito da literatura clássica na formação de leitores. Revista onisciência, v.1, n. 1, p. 50-66, 2012. Disponível em: https://revistaonisciencia.com/wp-content/uploads/2020/02/Artigo-Karla-A-INFLU%C3%8ANCIA-DA-P%C3%93S.pdf. Acesso em: 14 out. 2022.

GALLIAN, D. A Literatura como remédio: os clássicos e a saúde da alma. São Paulo: Martin Claret, 2017.

MALTEZ, C. M. R. S. A Biblioteca Escolar e a Biblioterapia: relato de uma experiência. Dissertação de Mestrado em Gestão da Informação e Bibliotecas Escolares. Universidade Aberta. Lisboa, 2011. Disponível em: https://repositorioaberto.uab.pt/handle/10400.2/2302. Acesso em: 23 fev. 2023.

MORET, R. T. L.; SANTANA, M. V. B. Biblioterapia:. Biblionline, v. 15, n. 3, p. 89-94, 2019. DOI: 10.22478/ufpb.1809-4775.2019v15n3.49173 Acesso em: 23 fev. 2023.

NADAL, L. M. K.; KANO, I. T.; MELLO, J. C. R. Humanização e direito à educação através da biblioterapia. Biblionline, v. 16, n. 1, p. 110-116, 2020. DOI: 10.22478/ufpb.1809-4775.2020v16n1.52688 Acesso em: 23 fev. 2023.

OUAKNIN, M. A. Biblioterapia. São Paulo: Loyola, 1996.

PAULA, D. A literatura como recurso terapêutico. Protestantismo em Revista, v. 36, p. 118-126, 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v36i0.2387. Acesso em: 23 fev. 2023.

PEREIRA, A. M. G. S. Leitura para enfermos: uma experiência em um hospital psiquiátrico. Dissertação (Mestrado em Biblioteconomia). Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa. 1987. Disponível em: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/14070. Acesso em: 23 fev. 2023.

PEREIRA, M. M. G. Biblioterapia. Paraíba: Editora Universitária UFPB, 1996.

PETIT, M. A arte de ler ou como resistir à adversidade. São Paulo: Ed. 34, 2018.

PINHEIRO, E. G. Biblioterapia para o idoso projeto renascer: um relato de experiência. Informação & Sociedade: Estudos, v. 8 n.1 1998, n. 1, 1998. Disponível em: <http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/92226>. Acesso em: 22 de abr. 2022.

PINTO, V. B. A biblioterapia como campo de atuação para o bibliotecário. Transinformação, v. 17, n. 1, p. 31-43, 2005. DOI: 10.1590/S0103-37862005000100003. Acesso em: 23 de abr. 2022.

PRADO, C. A. R.; MADALENA, C. S. Biblioterapia com os gestores de uma Escola de Educação Básica de Chapecó (SC): relato de experiência. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, v. 24, n. 2, p. 450-455, 2019. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=7389312. Acesso em: 23 fev. 2023.

RATTON, A. M. L. Biblioterapia. Revista da Escola de Biblioteconomia da UFMG, v. 4, n. 2, p. 198-214, 1975. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/reb/article/view/36171. Acesso em: 23 fev. 2023.

RIBEIRO, N. C. R.; LÜCK, E. H. Biblioterapia em tempos de COVID-19: como a prática pode auxiliar na manutenção da saúde mental de pesquisadores, docentes e discentes. Revista Brasileira de Educação em Ciência da Informação, v. 7, n. 1, p. 24-53, 2020. DOI: https://doi.org/10.24208/rebecin.v7iespecial.185. Acesso em: 23 fev. 2023.

SANTOS, L. R. et al. Biblioterapia na Sociedade Espírita Obreiros da Vida Eterna (SEOVE): relato de experiência. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, v. 24, n. 1, p. 305-312, 2019. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=7387944. Acesso em: 23 fev. 2023.

SCLIAR, M. A paixão transformada: história da medicina na literatura. Editora Companhia das Letras, 1996.

SEITZ, E. M. Biblioterapia: uma experiência com pacientes internados em clínicas médicas. Florianópolis: ACB: Habitus, 2006.

SILVA, A. M. Características da produção documental sobre biblioterapia no Brasil. Dissertação (Mestrado em Psicologia). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2005. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/101729. Acesso em: 23 fev. 2023.

SILVA, V. B. Biblioterapia no Brasil: uma revisão integrativa. Tese (Doutorado em Psicologia Educacional). Centro Universitário UNIFIEO, Osasco, SP, 2021. Disponível em: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=10990109. Acesso em: 23 fev. 2023.

SOUSA, C.; CALDIN, C. F. Biblioterapia: o quiasma entre as ciências. Informação & Informação, v. 22, n. 3, p. 484-501, 2017. DOI: 10.5433/1981-8920.2017v22n3p484. Acesso em: 20 de mai. 2022.

TODOROV, T. A Literatura em Perigo. Rio de Janeiro: DIFEL, 2009.

WITTER, G. P. Biblioterapia: desenvolvimento e clínica. In: WITTER, G. P. (Org.). Leitura e Psicologia (pp. 181-198). Campinas: Alínea, 2004.

Downloads

Publicado

2023-12-16

Como Citar

Silva, V. B. da, & Fernandes, J. da S. G. (2023). Biblioterapia no Brasil: revisão integrativa de literatura de 2019 a 2021. Revista ACB, 28(4), 1–19. Recuperado de https://revista.acbsc.org.br/racb/article/view/2005