Normalização bibliográfica no âmbito da transferência da informação: de um fazer técnico a uma atuação humanista

Jorge Santa Anna

Resumo


Apresenta uma discussão teórica acerca da importância e necessidade da prática da Normalização Bibliográfica no âmago da produção científica, destacando o papel da biblioteca e do bibliotecário nesse contexto. Expõe um breve histórico da Normalização e características da Normalização Bibliográfica. Apresenta a contribuição do bibliotecário na Normalização Bibliográfica em bibliotecas e em outros espaços e instâncias. A partir dos resultados obtidos nesta pesquisa bibliográfica, constataran-se os seguintes temas abordados pelos autores, quais sejam: historicidade da Normalização; Normalização como atividade técnica de padronização e uniformidade; Normalização Bibliográfica como uma atividade realizada em bibliotecas; Normalização Bibliográfica como uma atividade realizada em diferentes instâncias e contextos; Normalização Bibliográfica como uma atividade de organização e transferência da informação; e, por fim, Normalização Bibliográfica como uma atividade humanista. Em linhas gerais, constatou-se que a literatura tem atribuído pouco valor a essa temática, dado o número pequeno de trabalhos encontrados. Esses estudos demonstraram a dinamicidade e desenvolvimento da Normalização ao longo dos tempos, enfatizando que, no que se refere à Normalização Bibliográfica, essa atividade tem deixado o seu aspecto, tão somente, técnico e mecanicista para adentrar-se a um fazer mais humanista, em que o profissional precisa adotar novas competências a fim de gerenciar as diversas formas de transferência da informação, o que requer, uma maior aproximação com os sujeitos da informação.


Palavras-chave


Normalização; Padronização; Normalização Bibliográfica; Transferência da informação; Competências bibliotecárias.

Texto completo:

PDF


Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis (Brasil) - ISSN 1414-0594

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.